yin yang

O yin yang é a imagem a união dos opostos que se  complementam. É o equilíbrio da natureza, do feminino e do masculino, por isso é a imagem de Deus, do átomo, do espírito, da pisque, de uma idéia. nós somos nossa própria criação, e o pensamento na verdade do amor, do que é eterno, do amor por si mesmo e pelo o outro, que gera o amor pelo Tempo. O amor pelo tempo gera a sincronicidade,  que é  amor pelo o amor. nosso pensamento é as mãos que nos molda e nos faz existir como indivíduos.

Anúncios

4 pensamentos sobre “yin yang

  1. Olá Carol,

    Encontrei o seu blog muito ‘por acaso’ enquanto aprendia a mexer em Categorias. Seus textos são ótimos, especialmente os que tratam de sincronicidade (foi a categoria que me trouxe aqui). Parabéns.

    Falando nisso, iniciei uma experiência-brincadeira sobre sincronicidades no meu blog há algumas semanas. Se quiser dar uma olhada, seja bem-vinda – http://aiachismo.com/projeto-sincronicidade/

  2. Em minha concepção sobre dualidade e sobre o que você escreveu não é igual a sua pois o mundo em q vivemos não sao de extremos em relação ao infinito q pensamos q estamos distantes das coisas(em tudo) mas na verdade estamos nelas q é sobretudo o bem e o mal, assim como qualquer outra função do corpo a mente não é diferente pois para sermos completo não fisicamente ou visivelmente mas completo em todos os aspectos reunidos, ou seja, pensamentos, sentimentos, razões enfim, precisamos da mente q pra mim não é distinta. E a minha percepção sobre a imagem desse assunto(dualismo) não concordo q o mundo estar em equilíbrio opostos sobre duas forças pois vivemos entre duas forças desigual e em q nós devemos e somos capazes de escolher o q qremos, pois pra isso Deus deixou o livre-arbítrio. O “bem” não se mistura com o “mal”, o inquilibrio entre essas forças não existe. Independentemente sobre oq os filósofos pensam sobre essa doutrina não precisamos acreditar pois sabemos q o poder do Bem é maior q o do Mal…
    E sobre o “yin yang” q em pesquisas comparam o feminino e o masculino em q sao energias e q afirma e repassa q um representa o positivo e o outro negativo, q um precisa do outro pra existir pois um possui o outro, interpretando isso é q satanás não é totalmente ruim pois foi criado por Deus e q Deus não é totalmente bom pois criou satanás. O que não é verdade pois sabemos q Deus criou um anjo com a sua consciência e q por inveja acabou qrendo tomar o lugar de Deus. Nós somos criaturas de Deus e não de se mesmo.
    E q ainda hoje vivemos em evidências em q o homem acha q com o conhecimento q tem pode ser melhor q tudo e afirma algo, idolatra esculturas e até mesmo a natureza, acreditando sempre na teologia e na formação das coisas através das outras, “evolucionismo”…
    Em q faz com o que o homem com a sua capacidade de descobrir as coisas em q em torno disso acaba se deixando levar pelo poder das coisas materiais e por ser ambicioso cria teoria acreditando apenas no q exite aos olhos humanos. Q tudo para existir precisa ser comprovado!.
    Ops: Essa é minha maneira de pensar através desse seu ponto de vista.

  3. Obrigada pelo seu comentário e por compartilhar seu ponto de vista, ele em muito me acrescenta. Só um acréscimo em relação ao meu texto, é que “si mesmo” é na verdade um termo utilizado pelo psiquiatra Carl Jung, na verdade como ele chamou foi o “self”, que segundo ele é um centro organizador da psique localizado no inconsciente de cada um. O que eu compreendo como um “Deus interior”. E a respeito da dualidade o que eu compreendo é que esta é a natureza das coisas, de tudo que existe, minha crença é esta, tudo é dual, para mim não são extremos que brigam entre si, mas opostos, naturezas opostas que se complementam, uma precisa da outra. O equilíbrio entre elas é algo que não podemos mensurar, porque sempre, sempre existirá nosso próprio desequilíbrio interferindo em nossa visão, ou seja, nossa própria imperfeição na posição de observador, portanto não é fácil enxergar esse equilíbrio, essa simetria ou perfeição a partir de nós mesmos. Mas acredito sim que de uma certa forma, a grande força motora do universo opera nesse sentido de equilíbrio, e que por trás da aparente desigualdade entre os dois lados de cada moeda, a força que gera e movimenta, a energia motriz segue sua tendência para este equílibrio mesmo que nós humanos imperfeitos atuemos como um prisma distorcendo a realidade. Por trás daquilo que não conseguimos compreender e de toda a ilusão que nos cerca existe uma grande força unida em si mesma totalmente equilibrada, tendenciando todas as coisas para este estado natural dela mesma, e para mim essa energia se define melhor como sendo o Amor. Obrigada mais uma vez, você não imagina como é gratificante para mim poder trocar idéias e ter outros pontos de vista. Abraços!

  4. Agir com inteligência muitas vezes não é tentar desvendar a formação de tudo mas sim deixar com q o tudo apareça em nossa mente. Há coisas q são mistérios q não deve ser desvendado. A cada vez q o ser humano acha q descobre algo sobre o passado q não nos pertence se depara com outra impossibilidade. E disso vivemos, fazendo de sua crença o seu deus sem qreh acreditar nas escrituras do pai(o único).
    Somos oq podemos ser, nada mais além disso. Qreh não é poder, dever é ter q está ou fazer. Então devemos saber oq fazer, q somos donos apenas do nosso presente, buscamos descobrir oq se passou e oq estah por vim, todavia não precisamos. A capacidade de cada um é apenas um ponto no “tudo”, e pense nisso “o artigo muda tudo em tudo”. O planeta, universo, infinito, o “tudo” são coisas q não pertence ao EU… O nosso inconsciente não faz parte do nosso ser pois a medida q o ser se torna o não ser vira loucura, e a loucura é o único nível q não vivemos pra si mesmo.
    E sobretudo oq vooc disse aprendo algumas coisas q posso mas sem abusar do limite. Obrigado por me entender e respeitar oq penso e acho sobre seu conhecimento q o mais importante é saber viver em sincronização.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s